Sombra de Dragões – Episódio 3 – Eliminando Abram

Depois de destruírem o monolito do poder, o que ajudou as forças de
Herlewing a destruir uma das frentes de batalha de Arkhosia, que avançava pelo
sul, os heróis foram enviados para Terra Escarpada para eliminar Irontooth, que
buscava relíquias de dragões que poderiam invocar novos guerreiros para
Arkhosia.

Nos últimos dias da guerra, as perdas dos Kobolds foram praticamente
incontáveis, os que restaram se esconderam em becos, mas Herlewing sabe que
existem outros a mando do Dragão Azul, que detém o conhecimento sobre o livro
do Inverno.

O sucesso do grupo empolgou os comandantes de Herlewing, que passaram a confiar
nos heróis, Adria se destacou nas demandas, agora chamada de Adria Matadora de
Dragões, Adria matou o dragão branco e Irontooth, Rangrim a recomendou para receber a Cruz de Prata de Herlewing. O Rei Drew, percebendo o valor da jovem colocou-a em um treinamento específico na capital. Adria não participará da próxima campanha, o que nada agradou a jovem, que antes pensava apenas em pagar as contas da mãe. Mas Drew prometeu ensinar-lhe coisas impensáveis para a garota, ele tem planos futuros para a moça.

Para substituir a moça no grupo, Drew designou uma vampira recém chegada aos portões de Herlewing, apresentando poderes incríveis ela rapidamente foi colocada sobre intenso treinamento na Cruz de Vryed. Sua primeira missão será levar o clérigo Jynua à cidade
portuária de Herlewing.

Cena 1 – Nova ordens

Grasnik, com cara de satisfeito devido aos seus últimos sucessos, traz as novas: Companheiros da Cruz de Vryed, seus feitos foram significativos para seu Reino, o Rei Drew pediu para agradecê-los em seu nome, sua companheira Adria foi condecorada e ficará em Herlewing para treinamentos específicos. Sua nova missão é levar em segurança o Clérigo Jynua até sua cidade Herle Sul, a cidade portuária. Mas sua missão não termina ai, como cidade portuária Herle Sul recebe pessoas de todos os lugares de Zoe, precisamos de informações sobre um lugar chamado “Fortaleza de Abram” também
conhecida como fortaleza das torres, nossos espiões sabem que ela fica em
Nerath, mas sua localização ainda é desconhecida. Essa fortaleza está sendo
usada como base de ação para muitos draconatos e eventos estranhos parecem
ocorrer nesta fortaleza, o reconhecimento deste local e sua destruição é vital
para vencermos a guerra das tropas do norte. Como os nossos espiões acreditam
que a natureza da Fortaleza é mágica, nesta demanda vocês levarão com vocês
alguém que conhece algo sobre isso, esta é Mircea, cabe a vocês ensiná-la a
lutar já que seu treinamento foi muito rápido, além disso mantenham ela viva.
Vocês partem amanhã ao nascer do sol, vou comunicar ao clérigo.

Cena 2 – A saída

Quando vocês chegam no ponto de partida, vocês podem ver o clérigo, um Halfling de cabelos e barbas longas, negras e grisalhas, ele veste uma túnica prateada com detalhes
em azuis que parecem ornar com os remendos de sua charrete, onde agora está
sentado. Igualmente parecendo que precisa de um remendo, a mula que puxa a
charrete. Retirando seu grande cachimbo do canto da boca ele se dirige a vocês
Jovens companheiros de viagem, que bom que podem acompanhar esse velho até sua terra escolhida, não se preocupem com o aspecto da mulinha, ela aguentará a viagem, vocês se entreolham enquanto a carruagem com o pequeno clérigo começa a se mover.

 Cena 3 – A emboscada na Estrada

Depois de 2 horas de viagem vocês chegam a uma estrada apertada, rodeada de árvores, o
cheiro gélido do inverno dificulta a respiração de vocês, o cheiro doce e o calor do cachimbo do clérigo parece ser um oásis neste frio, está é a área em que a mata está mais fechada, e chuvas recentes deixaram poças de lama na lateral da estrada.

5 humanos bandidos – 625xp

Notas do Mestre – Este foi um encontro bem legal, 3 bandidos estavam sobre as árvores, o que lhes dava cobertura, os bandidos usaram artilharia como sua principal arma, até que os heróis conseguissem localiza-los por percepção, como nivel 1 o vampiro começou o encontro escondendo-se, mas o assassino do grupo bate demais, as sombras causam muito dano, mesmo com erros. A parte mais interessante foi quando o Clérigo quis participar do combate e foi alvejado algumas vezes, o Seeker abandonou o combate e puxando o Clérigo da Carroça deitou-se sobre ele (hummmm) mas era a única forma de evitar sua morte.

A parte melhor desta cena – O monge gritando com o Shifter (Seeker) – Saia de cima de mim seu animal!!!!!! durante 3 rodadas consecutivas, enquanto tentava se desvencilhar com testes contra agarramento.

Cena 4 – Atravessando o rio com a carroça (desafio de perícias comentado no post anterior)

– Os heróis não completam o desafio, a mula e a carroça do clérigo descem pelo rio, levando consigo o item mágico que seria ofertado aos heróis (e que não será mais dado em nenhuma outra oportunidade)

Essa cena teve um role play bem legal, mesmo sendo um desafio de perícias, o role play foi muito bem feito, o Clérigo blasfemou o tempo todo e teve que nadar para a margem, xingou todos os players durante muito tempo…muito tempo mesmo!!! Enquanto ele bravejava começa a cena 5.

Cena 5 – Ataque das feras

2 Hyenas; 3 lobos cinzentos e 1 Aguia Sangrenta

Notas do Mestre – Esse encontro foi bem interessante, principalmente, porque aconteceu ligado com a cena anterior, dando a sensação de continuidade que algumas vezes é perdida na 4.a edição, o cenário era o mesmo a carroça ainda descia o rio…até que o Assassino percebeu a presença de lobos que rodeavam o grupo, em um comportamento típico deste animal, era um ataque em matilha, quando os heróis pensaram em se posicionar na continuação da estrada, surgiram as duas hyenas mostrando os dentes para os heróis! Ou seja os heróis estavam cercados! Isso deixa o encontro bem interessante, pois o grupo tem que se dividir, e não da para o controller ficar atrás do grupo. Eu como mestre esperava que Shriva a Drow assassina que foi criada por lobos, tentasse acalmar pelo menos um dos lobos que se tornaria seu familiar, mas ela nem pensou nisso, inclusive atacando os lobos, como resultado, não recebeu XP deste encontro!

Cena 6 – Quando chegam na cidade

Quando entregarem o Clérigo vivo recebem – 625xp

O clérigo despede-se do grupo ainda blasfemando-os por terem perdido sua mulinha Stallone…. – Nunca mais viajo com vocês seus…seus….

Busca de Informações

Herle Sul é uma cidade portuária, o cheiro do mar está em todos os lugares, meio-orcs são
extremamente discriminados nesta cidade, e são usados como escravos. Não é um
orgulho para Herlewing, um reino que prega a liberdade. Mas como cidade portuária e relativamente antiga, muitos viajantes de todos os pontos de Zoé passam por esta cidade e muitas informações podem ser encontradas em suas tabernas, se você os heróis souberem procurar. Por outro lado, qualquer palavra mal entendida pode causar os piores fins.

Cena 7 – Na taberna do Grifo

Desafio de Perícia apresentado no post anterior

Nota do mestre – Por fim os personagens conseguem sucesso em um desafio de perícia, o role play nesta cena foi tambem bem interessante, primeiro pelos heróis terem que acertar qual era a pessoa que deveriam conversar, mesmo sendo um desafio de perícias foram utilizadas miniaturas, e ficou bem legal, penso em fazer isso mais vezes, pois depois de escolhido quem ia falar, todos os desafios teriam que ser ultrapassados pelo escolhido. O escolhido anão, não falhou em nenhum teste ao falar com a bonitona do bar. Na verdade a cena teve mais role play do que eu pensava, nem eu acreditava que em um desafio de perícias poderia ter role play legal do jeito que foi! Acredito que um bom planejamento pode fazer isso, e olha que eu não acreditava muito nisso…..

Observações Finais – Foi uma sessão muito divertida, pelo role play, pela inclusão de um clérigo chato e reclamão, quantos aos combates, eles foram relativamente fáceis, os jogadores ja se entrosaram e mesmo tendo 2 personagens nível 1 e 3 de nível 2, nínguem chegou a 0 pv. A troca de personagens dos jogadores pareceu ser bem legal. Mas que os jogadores se preparem as próximas etapas serão bem mais difíceis.

 

 

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Diários de Campanha. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s