Artilheiros na 4a. Edição – Como usamos

Os artilheiros, desde a época do AD&D, são tidos como monstros extremamente perigosos, tanto é que na tradicional e querida edição, os monstros que tinham ataques a distância valiam 1 dado de vida a mais na distribuição de XP. Na quarta edição, eles não tem uma defesa muito boa, nem muitos pontos de vida. Mas podem ser o diferencial de seu combate, neste post,  mostraremos como usamos estes monstros na nossa mesa.

Emboscada – As grandes cenas de emboscada que vemos nos filmes envolvem ataques de arqueiros, muitas vezes, nem da pra ver de onde vem as flechas antes que um dos companheiros morra. Quando planejamos uma emboscada para os heróis, invariavelmente existem arqueiros estrategicamente colocados sobre árvores (o que dá +2 no ataque devido a posição), além disso a árvore da cobertura para os artilheiros, o que melhora sua defesa.

Em encontros em campo aberto – Em campo aberto, aumentamos a iniciativa dos artilheiros, eles avançam, atiram e então recuam nas rodadas posteriores, buscando cobertura, e abrindo espaço para os brutos, guerrilheiros e soldados. Acreditem mesmo que sejam atingidos aumenta muito a sensação de movimento durante o combate.

Dungeons – Na dungeon os artilheiros são mortais, quem não lembra da atravessia da ponte na Sociedade do Anel? A idéia é mais ou menos aquela mesmo, não adianta confiar nas linhas de frente dos soldados e brutos, porque existem vários poderes que permitem atravessá-la facilmente. Colocamos nossos artilheiros em plataformas (que exigem testes de perícia para subir – se tiverem que escalar então – dá-lhe penalidade) e além disso a cobertura é fundamental, já que nas plataformas não existe a cobertura dos monstros aliados. Outra dica é colocar terreno acidentado próximo dos artilheiros o que permite ataques extras antes que os heróis cheguem perto. Sendo mais malvado com os jogadores ainda, coloque armadilhas no trajeto, quando acharem que estão perto, o chão some embaixo dos seus pés!

Nossas experiências que deram certo – Um dos nossos encontros memoráveis com artilheiros foi em uma dungeon, ao invés de esperar a morte certa após a derrota dos soldados, guerreiros e brutos, os arqueiros recuavam dentro da dungeon atacando, esporadicamente, e deixando cada corredor mais perigoso.  Até que se juntaram com o próximo encontro, tornando-o ainda mais difícil.

Táticas – Se você quiser deixar seu encontro bastante desafiador, faça com que seus artilheiros concentrem seus tiros no defensor do grupo (use artilheiros de 1 ou 2 níveis a mais que seu defensor – CUIDADO COM O TPK!).

Artilheiros interessantes –

Hobgoblin Arqueiro – quando ele acerta da +2 na rolagem para seu companheiro arqueiro a até 5 quadrados.

Medusa Fêmea Arqueira (Elite) – Apesar de ser controller, a medusa arqueira se acertar a primeira flechada, garante um segundo ataque contra fortitude, dando dano contínuo de veneno e dando penalidade de -2 na fortitude.

Vou disponibilizar as fichas!!!

E você como usa seus artilheiros? Comente

Anúncios
Esse post foi publicado em De mestre para mestre. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s